fbpx

Professora Márcia de Rizzo

Professora Márcia de Rizzo é formada pela Aliança Francesa. Realizou o Cours de Civilisation Française da Sorbonne, em Paris e é membro da Associação dos Professores de Francês do Estado de São Paulo (APFESP) .

EXPERIÊNCIA

O idioma francês sempre foi para mim um meio de expressão marcante de vida e instrumento fundamental de trabalho. Com vivência de mais de 30 anos na língua e literatura francesa pude trabalhar como assistente de presidentes de grandes empresas francesas no país, além de ministrar aulas para executivos.

CONGRESSO BRASILEIRO DE PROFESSORES DE FRANCÊS : TROCA DE EXPERIÊNCIAS E AÇÃO PÚBLICA

Organizado sob os cuidados da Federação Brasileira de Professores de Francês, o Congresso Brasileiro de Professores de Francês reúne enseignants e formateurs de todo o Brasil para grandes atividades: apresentação de projetos, concluídos ou em andamento, desenvolvidos por pesquisadores, intercâmbio de vivências pedagógicas, discussões sobre os rumos do ensino do francês em terras brasileiras e estrangeiras. Por ocasião de sua 18ª. edição (2011), da qual estive presente, professores e estudantes de francês tiveram a oportunidade de reafirmar, através da Carta de Curitiba, a importância da língua francesa como idioma da cultura, das boas oportunidades profissionais e do crescimento pessoal para os brasileiros.

COLÓQUIOS PEDAGÓGICOS – ALIANÇA FRANCESA : ATUALIZAÇÃO TÉCNICA E CONCEITUAL

Todos os anos, a Aliança Francesa de São Paulo organiza, no mês de fevereiro, seu tradicional Colloque Pédagogique. Com a participação de renomados estudiosos da didática de FLE no mundo, o Colóquio Pedagógico da Aliança Francesa paulistana é, para professores e estudantes de Francês, a primeira grande oportunidade do ano para travar contato com novas perspectivas metodológicas e novos paradigmas profissionais

GRADUAÇÕES

Formation Pédagogique pour Professeur de Français Langue Etrangère
Module: Approfondir et dynamiser ses pratiques de classe
Langue Onze – Ecole de langues (Toulouse – France).

Formation Pédagogique pour Professeurs de Français Langue Etrangère
Module: Activités théâtrales en classe de FLE
Module: Grammaire autrement
Universités du Monde (Nice – France)

Stage de formation pour enseignants
Institut d’Etudes Françaises à Touraine – L’Université de Tours (Tours – France)

Formation Intensive pour Enseignants de Français Langue Étrangère
Centre d´Approches pour les Langues Vivantes (Vichy – France)

Cours de Phonétique
Associação de Professores de Francês do Estado de São Paulo (São Paulo – Brasil)

Diplôme Approfondi de Langue Française
Instituto de Estudos Franceses e Europeus de São Paulo (São Paulo – Brasil)

Cours de Didactique pour l´Enseigment du Français Langue Étrangère
Aliança Francesa (São Paulo – Brasil)

Cours Supérieur de Langue Française
Aliança Francesa (São Paulo – Brasil)

Certificat Pratique de Langue Française
Aliança Francesa (São Paulo – Brasil)

Certificat d’Etudes Pratiques
Aliança Francesa (São Paulo – Brasil)

Cours de Langue et Civilisation Française
Université Sorbonne (Paris – France)

VII Journée de Formation: “Apprendre pour Agir ou Agir pour Apprendre?”
Universidade de São Paulo (São Paulo – Brasil)

APFESP : RENOVAÇÃO PEDAGÓGICA
Uma entidade como a Associação dos Professores de Francês do Estado de São Paulo, permite ao profissional de ensino de FLE (Français Langue Étrangère – Francês Língua Estrangeira) uma gama considerável de oportunidades de aprimoramento técnico-pedagógico. Como membro da APFESP, participo constantemente de eventos, cursos no Brasil e no exterior e jornadas lingüísticas – como o célebre Bain Linguistique – promovidas ou divulgadas por esta instituição.

CAVILAM : FORMAÇÃO CONTINUADA NA FRANÇA
Para os professores de francês interessados em participar de formações pedagógicas na França, a APFESP promove anualmente (nos meses de junho e julho), viagens a destacadas Universidades Francesas. Uma das mais importantes é a Universidade CAVILAM (d´Approches Vivantes des Langues et des Médias), em Vichy. Em 2010 tive a oportunidade de uma estadia de formação neste prestigioso instituto, podendo participar de seus cursos, seminários culturais e ateliers elaborados especialmente para o ensino da gramática francesa através de ações lúdicas. Destaco também os encontros pedagógicos promovidos pelas principais editoras do segmento, como: Hachette, CLE International, Didier, Hatier, Maison des Langues, Chronique Sociale, etc.